<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d36516389\x26blogName\x3dAgilizando\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dSILVER\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://agilizando.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_BR\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://agilizando.blogspot.com/\x26vt\x3d7698288635090770307', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>

Agilizando

(Agilizando ... para você)


Linguagem de Programação D chega à versão 1.0

O Mascote?A linguagem de programação D, segundo o site oficial, é "uma linguagem de programação para sistemas e aplicações. É de mais alto nível que C++, mas mantém a capacidade para escrever código de alta performance e de interagir diretamente com a API do sistema operacional e com o hardware.(...) D não é uma linguagem de script, nem uma linguagem interpretada. É uma linguagem prática para programadores que precisam do seu trabalho terminado rapidamente, mantendo o código com fácil leitura e manutenção."
Você pode ver aqui uma comparação entre várias linguagens atuais e D.
Alguns dos objetivos do D são:
- Reduzir os custos de desenvolvimento em no mínimo 10% com a adição de funcionalidade que comprovadamente melhoram a produtividade e ajustando a linguagem para que bugs comuns sejam eliminados no início.
- Facilitar a escrita de código portável de compilador a compilador, máquina a máquina, e SO a SO.
- Suporte a vários paragigmas de programação, como programação imperativa, estruturada, orientada a objetos, e genérica.
- Ter uma curva de aprendizado mais curta para programadores familiarizados com C ou C++.
- Prover acesso a instruções de baixo nível, se necessário.
- Fazer com que seja mais fácil implementar um compilador para D que para C++.
- Ser compatível com a interface binária local para C.
- Ter uma gramática livre de contexto.

Mais informações podem ser obtidas no site oficial.

Agilizando as novidades para você!
« Home | Próximo »
| Próximo »
| Próximo »
| Próximo »
| Próximo »
| Próximo »
| Próximo »
| Próximo »
| Próximo »
| Próximo »

Blogger GNU Física disse...

Ótimo post, parabéns

Dicas para Desenvolvedores:
devdicas.blogspot.com

sexta-feira, 03 junho, 2011  

Postar um comentário